Carrinho abandonado no Woocommerce: as melhores ferramentas para recuperar

Como recuperar carrinhos no Woocommerce? Confira algumas ferramentas gratuitas e completas.

Sobre o autor

Publicitário, pós-graduado em Gestão Estratégica em Moda e cursando MBA em Varejo Físico e Digital na USP. Atuo há 12 anos com Marketing Digital, trabalhando em projetos para pequenas, médias e grandes empresas, especialmente do ramo de vestuário e cosméticos.

Carrinho abandonado é uma realidade de todo e-commerce. Não dá pra fugir deles. Mas dá para recuperá-los e gerar uma receita adicional com aqueles visitantes que se interessaram pelos seus produtos.

Hoje vou mostrar algumas ferramentas específicas para o Woocommerce, uma das plataformas mais populares para criação de e-commerce. A maioria é gratuita ou oferece uma versão gratuita. Elas são simples de configurar e não exigem conhecimento técnico.

WooCommerce Cart Abandonment Recovery: um dos plugins mais populares para recuperação. Ele apresenta três abas:

woocommerce cart abandonment recovery 1

A primeira aba mostra quantos carrinhos podem ser recuperados e quantos, de fato, foram recuperados. Além disso, mostra os valores que foram recuperados.

woocommerce cart abandonment recovery 2

Na outra aba é possível criar os e-mails para recuperação. Você pode criar quantos e-mails quiser e definir um período para recebimento. O editor é bem simples e, justamente por isso, qualquer um consegue editar. Uma função bacana é gerar um cupom aleatório a cada e-mail com data de vencimento, para criar urgência no cliente.

woocommerce cart abandonment recovery 3

A última aba é dedicada a configurações gerais, como o e-mail do remetente e quais carrinhos serão registrados.

+ Consultoria de e-commerce: descubra como a burnell pode ajudar sua loja online a crescer

Retainful: ferramenta gratuita com funções pagas. O plano grátis permite capturar até 300 contatos. A ferramenta de customização dos e-mails é mais completa que a opção anterior, permitindo inserir facilmente diversos blocos de conteúdo.

retainful 1

Os planos pagos começam em US$ 19/mês e trazem, além de um limite maior de contatos, outras funcionalidades, como uma ferramenta de indicação. Vale conferir!

AutomateWoo: uma ferramenta muito completa que só possui um plano pago: US$ 99/ano. Você pode testar por 30 dias e eles devolvem o dinheiro se não gostar.

São diversas funcionalidades que vão muito além do carrinho abandonado:

  • criar e-mails de follow-up para clientes que compraram determinado produto;
  • automação para recuperar clientes inativos;
  • notificações por SMS;
  • enviar e-mails quando um produto que foi adicionado a uma lista de desejados entra em promoção;
  • entre outras.

E-Goi: essa ferramenta possui algumas funcionalidades gratuitas, como agendamento de posts nas redes sociais, webpush e e-mail marketing ilimitado. Na versão paga é possível criar uma automação e enviar automaticamente, e-mail, SMS ou webpush para quem deixou os produtos no carrinho, por exemplo. Existem diversos gatilhos para essas automações, como: aniversário, cross-selling, feedback pós-compra e outros.

e goi

Os preços começam em R$ 44,99 e possuem descontos de acordo com o tempo de assinatura. A configuração da ferramenta exige algum conhecimento técnico mas não chega a ser complicada.

CartStack: outra ferramenta paga que custa a partir de R$ 49/mês (os valores mudam conforme a quantidade de pageviews no seu site). Tem um editor avançado de e-mail e você ainda pode subir um HTML próprio. Além disso, você pode exibir os produtos que foram deixados no carrinho e oferecer um desconto, por exemplo.

A própria equipe da CartStack cria 3 e-mails baseados na sua identidade visual e você decide se quer usá-los ou se prefere customizá-los – minha orientação é que você faça sua customização, para não ficar com os e-mails iguais aos de outras lojas.

Venda Válida: essa ferramenta paga permite recuperar o carrinho enviando um SMS para seu visitante. Pode parecer estranho, mas o SMS possui uma taxa de abertura de até 98%, muito superior ao e-mail marketing. Além disso, é possível recuperar boletos não pago, por e-mail, SMS e ligação automatizada.

Seja qual for a ferramenta, é importante que sua loja tenha algum mecanismo para recuperar carrinhos. É um método barato e com bons resultados.

+ Métricas para e-commerce: quais você deve ficar de olho sempre

Dicas para criar um e-mail de carrinho abandonado

Agora que você escolheu uma ferramenta, pode ter ficado a dúvida: o que colocar nesses e-mails?

  • A primeira coisa, obviamente, é mostrar os produtos que foram deixados no carrinho. Você também pode criar uma mensagem de urgência, como: “seus produtos favoritos estão acabando”. Você até pode colocar um contador regressivo para dar mais senso de urgência.
  • É importante que esses e-mails tenham mais texto do que imagem, já que muitas imagens podem indicar para o servidores que se trata de um spam.
  • Crie entre 2 a 3 e-mails de recuperação, com um tempo entre o envio de cada um deles. Minha sugestão é: o primeiro e-mail enviado após 30 minutos, o segundo após 12-24h e o último entre 24-36h. Lembre-se que, quanto mais o tempo passar, menor o interesse do visitante em finalizar a compra.
  • Dê desconto ou alguma outra vantagem somente no último. Dessa forma, você não “queima a largada”.
cta post avaliacao
cta-lateral-consultoria-ecommerce
cta-lateral-consultoria-ecommerce

Últimos posts

Meu e-commerce não vende. E agora?
Meu e-commerce não vende. E agora?

Muitos dos donos ou gestores de e-commerce que me procuram têm a mesma dor: investiram em um novo e-commerce, cadastraram dezenas, centenas ou até milhares de produtos, mas as vendas não decolam. Muitos desses já investem um valor considerável em mídia, como Google,...

ler mais
Google Shopping: como funciona
Google Shopping: como funciona

Desde o ano passado, o Google Shopping passou a ser gratuito no mundo todo. Se antes era necessário pagar para aparecer, através de campanhas do Google Ads, agora é possível que seus produtos apareçam sem gastar nada. Os resultados pagos continuam existindo, mas os...

ler mais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.